sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

COMO TIÃO VIROU SEBASTIÃO

Dizem que a ausência é atrevida. Vou aproveitar que o governador do Acre curte férias com a família em praias do nordeste para contar como ele passou de Tião para Sebastião Viana no noticiário do site AC 24 Horas.

Teve um tempo em que o senador Jorge Viana (PT) e o deputado Gladson Cameli (PP) eram amigos e aliados políticos. Conversa vai, conversa vem, o senador revelou ao deputado que o irmão Tião Viana odeia o nome de batismo.

Depois que a amizade se desfez, o deputado contou o segredinho do senador ao empresário Roberto Vaz, dono do site AC 24 Horas, que passou a tratar Tião como Sebastião.

No ano passado, Jorge Viana visitou todos os veículos de comunicação (exceto este maldito blog) e incluiu em sua agenda uma demorada conversa com Roberto Vaz. Ao se despedir, o senador fez seu único pedido:

- Pô, Vaz, para de tratar meu irmão pelo nome de batismo. Ele não gosta.

Vaz, que não atendeu o apelo do senador, agora trata no site o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre (PT), como Marcus Viana.

O prefeito agregou ao nome os patronímicos "Viana" e "Silva", que são da esposa dele, a engenheira Gicélia, e combina muito bem com os nomes dos irmãos Jorge Ney Viana Macedo Neves e Sebastião Afonso Viana Macedo Neves. E de Lula, por que não?


Atualização às 10h54 em 06/01/2013

Da assessora Silvânia Pinheiro:

"Altino,

antes de tudo, gostaria de lhe desejar um feliz ano novo, e que em 2013 você e seu blog continuem oxigenando o Acre com boas informações e liberdade de expressão, como tem feito desde sempre.

Porém, escrevo-lhe como assessora de comunicação do deputado federal Gladson Cameli (PP/AC), pois ele encontra-se em visita a Serra do Divisor, e por telefone me encarregou desta tarefa.

Gostaria de lhe informar que as informações contidas em seu blog onde afirmam que Gladson Cameli seria o responsável pelo tratamento de "Sebastião" pela Editoria do site Ac24Horas ao governador Tião Viana (PT/AC), não procedem.

Trata-se apenas de um esclarecimento que o deputado considera válido para você e todos os leitores do seu conceituado blog.

Grata!"

4 comentários:

João Francisco disse...

Tá na coluna do Claudio Humberto ( a coluna mais lida em Brasília):

"Baba ovo"
O prefeito de Rio Branco, Marcus Aguiar (PT), é o bajulador mais escrachado do meio político: recorreu à Justiça para anexar ao nome os sobrenomes da mulher, Viana e Silva, para fingir que é parente dos irmãos Viana, Jorge e Tião, que há anos dominam a política no Acre.

Carlos disse...

Juro que eu li "patrocínio" ao invés de patronímico. kkkkkkkkkk
Não tem nem vergonha na cara!
O cara tá tão privilegiado nessa terra de ninguém que renega até suas próprias origens! Podre#

Fátima Almeida disse...

Acho que os meninos não tinham Vianna no sobrenome, somente Macedo das Neves, porque o pai Wildy Vianna das Neves e a mãe,Silvia é da família Macedo, irmã, pois, do falecido ex-governador Joaquim Macedo.

Fátima Almeida disse...

Ninguém comenta por aqui que o Gabriel Forneck é primo do Leonardo de Brito? Só falam nos Vianna. E os sobrinhos do Arlindo Cunha? Se cutucar vão aparecer mais famílias unidas venceremos..