sábado, 30 de outubro de 2010

LINGUARUDOS ISOLAM MILITANTE DO 55

Estávamos reunidos nesta manhã, na lanchonete Rio Branco, no mercado da cidade, para comemorar o aniversário do linguarudo Cléber Cara Rachada. Éramos mais de 20 pessoas e nos retiramos quando o assessor do governo do Acre, Dudé Lima, chegou para distribuir material de propaganda do 55 no referendo. Dudé não esconde simpatia pelo 77, mas confessa que anda preocupado com o cargo após a transição de governo.

Agora é sério: clique aqui para ler a reportagem de Cristina Charão, do Observatório do Direito à Comunicação. Ela revelou, em 2007, as negociatas de políticos com emissoras de TV para mudar fuso horário do País.

4 comentários:

Altemar disse...

Caro Altino,
como diz o impagável professor José Ribamar Bessa Freire, que sei quem é graças ao seu blog, "agora é que o fiofó da cotia começa a assoviar" - http://altino.blogspot.com/2010/03/cotia-risonha.html -

Fernando disse...

Recentemente após denuncias de enriquecimento "rápido" esse rapaz foi bem irônico ao explicar a origem do seu patrimônio: "tinha casado com uma mulher rica". Sendo assim com certeza ele não está apreensivo com a possibilidade de perder a boquinha no governo do PT. Aliás se o Tião Viana não se livrar desses malas este pode ser o ultimo governo do PT no Acre.

Fernando disse...

Dudé deve e tenho certeza que é livre para escolher democraticamente o que é melhor para o Acre. 55.

Evandro Ferreira disse...

Também acho Fernando. O Dudé seguramente escolheu por 'livre e espontânea vontade' votar no 55.

A questão do cargo de confiança que ele ocupa - e deve almejar continuar a ocupar no próximo governo - não pesou em nada na decisão dele.

Evandro