quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Flanelinhas

Custei a acreditar ao ler na edição do Diário Oficial do Acre desta quinta-feira. Pensei que fosse erro de digitação. Não era. O governo estadual pagaria R$ 20,00 por cada flanela - aquelas flanelinhas que custam R$ 3,00 em qualquer bodega. Flanelinhas amarelas, de algodão, que um amigo, que trabalha em distribuidora, paga R$ 1,20 pela unidade na indústria. Está feito o reparo com a supressão do item.

5 comentários:

Altemar disse...

Será que vão dar uma flanelada no Leo?

Carlos Floresta disse...

Viram quem assinou o termo pela Secretaria de Estado de Turismo???
Foi o Leonildo Rosas!
Agora entendi tudo!
As flanelas são pra ele, Leonildo Rosas, dar "um lustre" no saco do patrão, ou usar como babador...

simplesmensagens disse...

Quando entro no blog do Altino fico louco pra acessar os comentários e vê se tem algum do Carlos Floresta.
Rapaz....eu dou muita risada...quase morro de rir.
Agora Altino, esse tipo de coisa é o que vemos e sabemos, as claras e ninguém toma providência alguma. Imagine agora o que não vemos e não sabemos.
Dá nojo!!!
E o pior é que ainda tem besta que acredita que se mudar o partido resolve-se.
É preferível fazer igual ouvi da boca de um servidor publico um dia desses: "Rapaz, eu sei que se mudar de partido não vai resolver. O negócio é que esses que tão aí já roubaram demais. Vamos deixar entrar outros pra mudar um pouquinho o ladrão".
É a teoria do quanto pior, melhor!!!

Lazaro Barbosa disse...

Com a palavra o Ministério Público do Estado do Acre!
Ah, seria bom tb uma explicação, por meio daqueles notas do Governo.
Será que existe argumento contra esse fato?
Ah, já ia esquecendo, boa oportunidade tb para o TCE mostrar para que veio, não acham?

Julio Cesar disse...

Altino, Bom dia ou madrugada.

Vou esperar pra ver qual a desculpa do Léo "Flanelinha" Rosas sobre a compra, agora o mais grave é que esta compra é uma adesão ao processo/compra do DEPASA, órgão mãe do G7. Não vejo outra alternativa se não a demissão do Léo Flanelinha.