quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

POLÍCIA CIVIL REPUDIA "SENHOR DELIVERY"

Nota de repúdio enviada ao blog pela assessoria do secretário estadual de Polícia Civil do Acre, Emylson Farias

"A Polícia Civil do Estado do Acre vem a público repudiar, com veemência, as expressões ofensivas, proferidas pela pessoa identificada no Blog do Altino como “Senhor Delivery” (leia), contra o Delegado de Polícia Civil que conduziu as investigações da Operação Delivery.

O Delegado de Polícia que presidiu as investigações e todos os demais policiais civis envolvidos nesse trabalho são pessoas competentes, responsáveis e comprometidas com a verdade real dos casos que investigam.

A instituição Polícia Civil, através de seus integrantes, trabalha de forma responsável, ética, impessoal, eficiente e comprometida no desempenho de sua missão constitucional, sempre pautada pelos princípios norteadores da Administração Pública.

A Polícia Civil tem demonstrado isso com as inúmeras operações que desencadeou, a exemplo da Operação Diáspora, que extirpou a pretensão de um grupo de indivíduos que intentavam instalar, em nosso Estado, a organização criminosa denominada “PCC”.

A Constituição Federal assegura a manifestação do pensamento, mas veda o anonimato, razão pela qual a pessoa denominada “Senhor Delivery” deverá responder criminal e civilmente, na forma da legislação, pelas expressões aviltantes e contrárias à moral e aos bons costumes que proferiu contra o profissional, pois, agindo assim, ofendeu não apenas o servidor público, mas o próprio Estado e a sociedade acreana. 


Emylson Farias
Secretário de Polícia Civil
"

6 comentários:

Vitor disse...

Ohh povo desocupado, sempre dispostos a responder. Nunca vi uma galera pra gostar tanto de notas de repúdio. Todas elas eivadas de toda a pomposidade que o cargo exige, além de todo aquele tom de superioridade habitual, é claro. Ao invés de ficar elaborando essas notas de repúdio poderiam cuidar do próprio trabalho, todo mundo ganharia mais com isso. Será que esse pessoal não entende que essa política da "melhor defesa é o ataque" está mais do que ultrapassada. Parece que eles não tem assessoria de comunicação, ou, se o tem, são mais do que desqualificados.

Eliane Ferreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eliane Ferreira disse...

Se eles sao desocupados vc e o q? Ate onde eu sei eles sao tdos Profissionais Competentes fazendo seu trabalho e muito bem feito, ah quanto ao Assessor de Comunicacao da Policia, qualificacao e o que nao lhe falta, quanto a vc tenho minhas duvidas. Gostaria de ver como vc agiria se tivesse sua integridade moral ofendida. Eu repudio seu comentario.

Eliane Ferreira disse...

Se eles sao desocupados vc e o que? Ate onde eu sei eles sao Profissionais Competentes fazendo o seu trabalho, ah e qto ao Assessor de Comunicacao qualifiacacao e o que nao lhe falta, ja a vc tenhos minhas duvidas. Gostaria de ver como vc reagiria caso alguem ofendesse sua integridade moral. Eu repudio seu comentario.

Gleiciane disse...

Vítor falou muito bem. A violência tomando conta da cidade e o povo ocupado com nota de repúdio. Se estão incomodados, a carapuça deve ter servido. Quem não deve não teme, meus amigos!
Vítor, onde é que eu assino?

ELSOUZA disse...

Pelos comentários fervorosos dos cidadãos Vitor e Gleiciane podemos entender que os amigos da polícia é a própria polícia. De outra forma, sabe—se que a polícia civil agiu em conjunto com o Órgão Ministerial e uma nota de desagravo por parte daquele "Parquet" é medida que se impõe posto que as aviltantes declarações depõe contra a credibilidade a que fazem jus ditas instituições, S.M.J. . Estão confundindo democracia com BADERNA.