quarta-feira, 20 de outubro de 2010

ENERGIA ELÉTRICA AFETA CQC NO ACRE

TV-5 nega ter censurado piada de Marco Luque

Desde a última segunda-feira (18), internautas do Acre têm protestado contra uma suposta censura durante a transmissão do programa "CQC" por parte da afiliada da Band no estado, a TV-5.

De acordo com alguns telespectadores, a TV-5 teria retirado o áudio do programa quando o humorista Marco Luque fez uma piada se referindo ao estado. "No Acre, não existe bombeiro. Eles usam elefantes para apagar incêndio", disse Luque na transmissão.

Pela diferença de fuso-horário entre São Paulo 9onde o sinal do programa é gerado0 e o Acre, a afiliada teria retransmitido a última edição do "CQC" alterada.

"Como a programação é gravada, a TV-5, afiliada à Rede Bandeirantes no Acre, censurou @marcoluque durante exibição do CQC", disse o jornalista acreano Altino Machado em seu perfil no Twitter (@AltinoMachado).

"Só para constar mesmo: o corte súbito na piada sobre o Acre no CQC ontem foi ridículo. Só perdeu pro ET Bilu", comentou a internauta @maymontenegro.

Procurado pela reportagem do Portal IMPRENSA, o dono e superintendente da TV-5, Pedro Neves, desmentiu a censura e lamentou a repercussão negativa. Segundo Neves, a capital acreana Rio Branco sofre com frequentes oscilações de energia, o que altera a qualidade do sinal. Na última segunda, o áudio da transmissão do "CQC" teria sido afetado pela instabilidade da rede elétrica, que danificou temporariamente os equipamentos de transmissão.

"Isso acontece com outras afiliadas", disse Neves. "Falei com o técnico que solta o programa sobre esse episódio e ele disse que estava tudo normal", contou. "No próximo sábado (23)", ressaltou, "o programa vai passar de novo" e a acusação de censura será esclarecida.

A hipótese de falha técnica também foi apontada pelo Diretor da TV-5, Paulo Henrique. "Como a gente iria censurar um programa nosso?", indagou, "deve ter acontecido algum problema na emissão do sinal".

Reportagem de Eduardo Neco, do portal Imprensa.

4 comentários:

Yuri Marcel disse...

Ah tá! Foi só coincidência, poxa que bom, pq eu já tava ficando preocupado com a possibilidade de alguma emissora de TV no Acre começar a censurar a transmissão de reportagens, comentários e afins. Imagina se isso começasse a acontecer

Carlos disse...

Caro Altino, vi este programa do CQC. A única parte que não pude OUVIR foi algum comentário de Marcelo Tas com relação à baixa votação que Marina Silva teve neste Estado. O referido apresentador dirigiu-se ao eleitorado do Acre, após tecer elogios a Marina Silva. O comentário de Marcelo Tas... não ouvi. Sugiro à emissora que reapresente a parte não "OUVÍVEL", já que o problema foi a "distribuição de energia elétrica" no Estado.
Carlos Alberto Sgrinholi.

Maria disse...

Eu também fiquei indignada com a tal "coincidência"!!!..na hora pensei, como que eles manipulam o que podemos ou não ouvir dessa forma, na cara dura??

Beto Araújo disse...

Na mesma hora que isso ocorreu eu falei para a minha irmã, que estava assistindo comigo: "Falaram alguma coisa do Acre que eles cortaram, quero apostar." . Fui no twitter e You Tube, posteriormente, e não deu outra: Marco Luque falara mal do Acre mesmo.