terça-feira, 28 de abril de 2015

Igarapé transborda e afeta Cidade do Povo, maior conjunto habitacional do Acre

Foram em vão todos os alertas contra a construção do maior conjunto de habitação popular do Acre em área de várzea, em cima de parte do aquífero Rio Branco. Por causa disso, promotores de Justiça chegaram a responder no Conselho Nacional do Ministério Público a uma representação movida pelo governo do Estado. Choveu, o igarapé Judia transbordou e ficou assim. Em fotos de Marcos Paiva, vista panorâmica do Cidade do Povo, obra de R$ 1,1 bilhão, de acordo com estimativa do governo, para atender moradores das áreas de alagamento da capital acreana. Clique aqui e leia nota deste blog em 17 de março de 2013:
Atualização às 23h28: comentário de Meri Cristina Gonçalves, da Promotoria Especializada de Defesa do Meio Ambiente da Bacia do Baixo Acre, no Facebook:

Um comentário:

Thiago Silva disse...

triste.
tipo aquelas situações que o barato sai caro... mas, nesse caso, o barato não foi tão barato assim...