sexta-feira, 21 de março de 2014

Empresa de ex-secretário vai fornecer ao governo bicicletas chinesas destinadas a alunos e professores da zona rural


O governo do Acre pretende gastar R$ 13,5 milhões com a compra de cinco mil bicicletas elétricas importadas da China, de acordo com o extrato da ata de registro de preços publicado pela Secretaria Estadual de Educação na edição do Diário Oficial desta sexta-feira. A Engeplan Importação e Exportação Ltda, empresa vencedora do pregão para fornecer as bicicletas, é representada pelo advogado Cassiano Marques, que durante 12 anos ocupou os cargos de secretário de Saúde e de Turismo nos governos de Jorge Viana e Binho Marques, ambos do PT.

As bicicleta elétricas estão sendo montadas em Rio Branco e terão nas laterais a inscrição em cor preto “Escolar” sobre fundo amarelo, além de identificação com a Bandeira do Acre e da logomarca “Governo do Povo do Acre”. Terão kit com bomba manual para encher e calibrar os pneus, ferramentas básicas de montagem e regulagem. Cada uma vai custar R$ 2,7 mil ao Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar.

Em janeiro, a importação das bicicletas de Wanyuan, na China, mobilizou autoridades estaduais. A primeira carreta de produtos importados e transportados via Interoceânica foi exibida em frente ao Palácio Rio Branco com vivas à integração fronteiriça e a devida cobertura da imprensa local.

O ex-secretário Cassiano Marques evitou a logística de encomendar os kits de peças da China, que seriam transportados de navio, levando em média 60 dias para chegar ao porto de Santos (SP). Além da demora para liberação da carga, a rota seguia para Manaus (AM) e só então era endereçada ao Acre. A nova rota, via Peru, segundo o empresário, representa cerca de 40 dias a menos para recebimento das bicicletas. Elas foram enviadas da China até o porto de Callao, em Lima, de navio, e depois transportadas pela Interoceânica até Rio Branco.

Na semana passada,  o governador Tião Viana (PT) participou da inauguração da Nature Bike, a primeira montadora de bicicletas elétricas do Acre. Localizada no novo Polo Industrial de Rio Branco, a empresa resultou de um processo que envolveu a Engeplan e a Donguvan Benling Vehicle,  da China, com o apoio do governo do Acre.

A Nature Bike oferece 42 empregos diretos, sendo 24 na linha de montagem. É capaz de produzir até 50 bicicletas elétricas por dia e anunciou que já tem contratos de venda com 10 estados. Cada unidade sai por R$ 2.800 no varejo, mas a indústria já tem planos empresariais com preços reduzidos.

- Por enquanto, não existe ordem de serviço de compra. Foi feito o registro de preços, mas isso não significa que vamos adquirir aquela totalidade de 13 mil bicicletas. As que forem adquiridas serão destinadas a alunos e professores da zona rural como parte do Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar. Nós nem temos disponibilidade orçamentária no momento para fazer uma compra no valor de R$ 13,5 milhões – disse o secretário de Educação, Daniel Zen.


5 comentários:

walmir.AC.lopes disse...

Amigo Altino:
Não quero pisar em "callo" de ninguém, mas nessa não me "callo". Não seria Callao o nome do porto?

ALTINO MACHADO disse...

Grato, Walmir. Corrigido.

Francisco Chagas disse...

Acre é o estado da impunidade e da ausência de leis e justiça se não vejamos.
A SEE/AC vem realizado a contratação de milhares de professores provisórios, em detrimento das pessoas aprovadas no concurso público realizado recentemente que estão no cadastro de reserva em todas as áreas específicas.
Muito embora existisse concurso simplificado para contratação de temporários isso não exime o Governo de contratá-los e contraria a legislação em vigor, existindo inclusive entendimento pacificado na Suprema corte a respeito.
O Estado prefere suportar uma avalanche de ações judiciais que fazer o que é certo.
A SEE/AC deveria esgotar primeiramente os cadastros de reserva para então proceder a contratação de professores provisórios.
Todos os envolvidos quando indagados preferem dar o silêncio como resposta.

Carlos Floresta disse...

"A vida vai melhorar"!
É o governo do Acre distribuindo renda e gerando empregos!
Melhora a vida de uns poucos, distribui dinheiro sempre aos mesmos e gera emprego na China!
Bem que Jorgito Buchuchu falou uma vez que iria gerar 40mil empregos.
Pense num cabra de palavra!
Perpétua deu "joinha" pra transação.
Edvaldo deu sorrisinho de papagaio.
Eduardo conteve as mãos e não mostrou os dentes.
E o vice-prefeito apático... pra variar...
Penso que esse povo esteja adivinhando alguma coisa!

Deyse disse...

Altino, e pensar que uma dessas na China no varejo custa mais ou menos 275 reais, pra ser vendida aqui por 2700 reais com lucro de 1000%.
FONTE:
http://www.aliexpress.com/item/Load-king-electric-bicycle-60v-three-generations-tools-lark-the-king-electric-bicycle/1729851871.html