segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Delírios da "reportagem" do Globo contra Fábio Vaz de Lima e Marina Silva


Coisa feia a "reportagem" do Globo intitulada “A dupla militância do marido de Marina”. Entre tantas mentiras contra Fábio Vaz de Lima, destaco as mais elementares:

“…biólogo Fábio Vaz de Lima”. Fábio é técnico agrícola.

“Egresso da chamada “turma de Chico Mendes”, junto com Marina e os irmãos Tião e Jorge Viana (PT-AC)”. Ninguém pode dizer que os irmãos Viana eram da “turma de Chico Mendes”. Nunca foram.

“Na faculdade, onde Marina cursava História, começaram a militar no movimento estudantil, com os irmãos Viana.” Que mentira escabrosa. Jorge e Tião sempre viveram e estudaram em Brasília e Belém. Nunca estudaram na Universidade Federal do Acre. Aliás, eram da Arena e depois do PDS.

"Paulista de Santos, ele foi para o Acre como técnico agropecuário em busca de ajuda de um tio que morava no estado." Outra mentira cabeluda. Fábio é santista, mas veio pro Acre por influência de vários amigos acreanos com quem estudou no interior de São Paulo. Nunca teve tio morando no Acre antes de mudar pra cá. Conheço-o desde o primeiro dia que pisou no Acre.

- Importante ressaltar que, ao contrário do que diz o texto, Marina não foi procurada, em nenhum momento, pela reportagem do jornal para tratar a suposta notícia. Essa conversa teria sido importante para que a repórter Maria Lima não divulgasse informação caluniosa usada pelo então deputado Aldo Rebelo durante a discussão do Código Florestal em 2011 -  diz o Blog da Marina.

Em tempo: o Ministério Público Federal mandou arquivar denúncia caluniosa de Aldo Rebelo contra Fábio Vaz de Lima, destacada pela “reportagem” do Globo. Clique aqui e leia cópia do documento.

5 comentários:

joaomaci disse...

Muito bem esclarecido Altino. Do Fábio Vaz não conheço, mas a respeito do envolvimento dos "irmãos Viana" na história recente do Acre e da turma do Chico Mendes, sua observação é muitíssimo salutar e verdadeira.
Realmente é incômoda a forma como a imprensa nacional conservadora apresenta suas versões sobre o Acre. Agora, em dezembro, foram várias as matérias que discutiram, por exemplo, o desgaste da proposta das reservas extrativistas no Acre, de maneira a isentar o governo da FPA de qualquer responsabilidade. Quando não, diziam que o governo do Acre é extremamente envolvido e engajado na busca da viabilização das reservas (tal qual elas foram a princípio colocadas), o que sabemos ser uma grande farsa.

Thalles Vinícius disse...

Os meios de comunicação dominados pela elite podem tergiversar como quiserem. Marina ainda será a Presidente do Brasil. Conseguiram, por baixo dos panos, que seu partido não fosse registrado. Mas eles não perdem por esperar. Estamos juntos, Marina!

Julio Cesar disse...

Os irmãos Vianas militavam aonde? Turma de Chico Mendes? Os Irmãos Vianas ( Jorge, Tião e Silvia ) militavam na ARENA junto com Edvaldo Guedes, os Kalumes, Os Bestenes, o supletente de senador Coelho, o Falecido Colier, os Fontes, os Nemetalas, os Mansour, os Macedo e os ........ por vai.

Carlos Floresta disse...

Exageros ou erros à parte a matéria evidencia que a ligação da Marina com os protoesquerdistas Jorge, Edivaldo, Tião, Binho, Tácio de Brito e outros tantos é visceral.
Enquanto eleitor fico extremamente inquieto com "Os Silêncios de Marina".

Altemar disse...

Sugestão:
Que tal a Marina fazer um intensivão com o Mujica?