segunda-feira, 29 de outubro de 2012

ANDRYO AMARAL PEDE DESCULPAS

Nota enviada pelo editor da estatal Agência de Notícias do Acre, Andryo Amaral, por causa da repercussão decorrente da nota "A baixaria de Andryo Amaral".

Após ter usado a rede social Facebook para agredir o conterrâneo dele, Tião Bocalom, o assessor do governo do Acre se defende acusando o ex-candidato Fernando Melo (PMDB):

"Caro Altino Machado,

Venho, por meio de seu blog, pedir desculpas ao candidato derrotado Sebastião Bocalom, pela ofensa feita a ele em minha página no Facebook.


A infeliz postagem foi realizada num momento onde a razão estava comprometida com a emoção e quando isto acontece ficamos expostos a atitudes precipitadas como esta.

Durante toda a campanha eleitoral do segundo turno o apoiador do candidato Sebastião Bocalom, também candidato derrotado, Fernando Melo, se empenhou em tentar tirar minha paz e me afrontar.

Com a notícia da vitória do candidato ao qual eu apoiava me senti do direito de responder a altura, ou seja, descendo o nível do debate ao mesmo patamar, um equívoco.

Vejo que agi fora dos princípios ensinados por meus pais e me entristeço por isto. Infelizmente não posso mudar o que fiz, cabe a mim apenas desculpar-me e ele aceitar ou não.

Grato,

Andryo Amaral"

12 comentários:

Povo disse...

Dado à "diga-se de passagem" razoável justificativa dos atos serem provocados em relevância de estado emocional, penso que a partir disso crimes deveriam deixar de serem crimes para serem apenas tropeços, ao qual o ofendido ou atingido terá de ficar entre perdoar ou no silêncio de sua decisão, não perdoar! Se espera uma postura positivamente diferenciada de alguém que ocupe um cargo de referência! Seja como for, é melhor culpar a "Eva" do que dizer que nunca mordeu a fruta :)

Povo disse...

Dado à "diga-se de passagem" razoável justificativa dos atos serem provocados em relevância de estado emocional, penso que a partir disso crimes deveriam deixar de serem crimes para serem apenas tropeços, ao qual o ofendido ou atingido terá de ficar entre perdoar ou no silêncio de sua decisão, não perdoar! Se espera uma postura positivamente diferenciada de alguém que ocupe um cargo de referência! Seja como for, é melhor culpar a "Eva" do que dizer que nunca mordeu a fruta :)

IBMAC disse...

Pra mim, soa como um EUFEMISMO rotular uma expressão de baixíssimo calão como uma atitude onde a "razão se sobrepõe à emoção. Esse jovem, desrespeitoso, deselegante e descomedido que é, "editor-chefe da Agência de Notícias do Acre" deveria estar ENVERGONHADO e não afirmar que "desceu ao mesmo nível". Nunca vi Bocalom, Alyson Bestene, Petecão ou qualquer figura da oposição mandar ninguém à "PQP", por extenso e com todas as letras... pegou mal, muito mal. Fosse o Bocalom reacionário com é o Partido que esse jovem representa, certamente o interpelaria judicialmente... Ces´t la vie!

Thalles Vinícius disse...

IBMAC, realmente ninguém da oposição utilizou palavras de baixo calão. Isso não se discute.

Mas você não acha que também é uma VERGONHA tentar ganhar votos da população espalhando boatos ou querendo fazer crer que Marcus Alexandre responde a processo na Justiça Federal por improbidade administrativa? (Duvida que não? Clica aqui então: http://www.ac.trf1.gov.br/noticias/2012/not23_02.htm)

Isso não afetou a honra do agora prefeito eleito? Não foi "desrespeitoso, deselegante e descomedido" por parte da oposição?

E outra coisa: não precisava dessa repercussão toda por uma bobagem dessas. O Bocalom que ingresse com uma ação judicial e resolva isso com danos morais, se achar necessário.

Abraços!

Péricles disse...

O problema e a conhecida arrogancia dos petistas, que nem o obvio enxergam: essa eleicao deu empate e metade da cidade nao tolera mais coronelismo, clientelismo (tente arranjar um emprego publico no Acre sem beijar a mao deles), perseguicao, mentiras e demagogia. Nao se esquecam disso, METADE de Rio Branco esta fucando no cangote de vcs.

Alessandra Angela disse...

O Detalhe é que a metade da cidade que votou no PT, nem apoia totalmente eles, pois não podemos esquecer dos trabalhadores temporários e terceirizados que foram coagidos a votar neles, também dos que foram comprados com aumento do beneficio recebido por periculosidade, e dos pobres coitados que foram comprados por um vidro de remédio, por um sacolão ou até por 20 reais. Fora as falcatruas que a Frente aprontou e depois fazia cara de bonzinhos. Isso tudo é uma piada. Uma grande PIADA. Vitoria fajuta!

Mel disse...

Isto não é nada.

ELSOUZA disse...

Cara Alessandra Angela! Lembra do texto intitulado ALÉM DAS CORTINAS VERMELHAS, de autoria do Dr. Pedro Gustavo Nunes, médico veterinário e servidor público estadual, quando de forma lúcida afirmou: “... o que temos percebido, há tempos, é que o ciclo é mais teórico do que prático. Na verdade subtrai-se o direito do cidadão de pensar. Pelo menos o direito dos desiguais. Estes não têm a opção de pensar, pois estão reféns de programas sociais, cargos comissionados e de falsas promessas. Doar o voto é garantia de sobrevivência, mesmo que seja por mais um dia. Um desigual ao negar seu voto ao popularismo, está trocando a garantia da vaidade de um igual por um futuro incerto. E se ele se rebela a pensar, poderá estar permutando o sustento de sua família pela sua alforria intelectual. Portanto, não há interesse em dar cidadania aos desiguais, pois a cidadania é a fonte do pensamento, é o ponto de partida dos questionamentos, é onde os desiguais se tornam iguais, onde o coletivo prevalece sobre o individual”. FOI EXATAMENTE O QUE VIMOS NO HITÓRICO DIA 28/10/2012.

utilar wer disse...

é fácil ser corajoso atrás da tela de um computador, ai maninho toma vergonha, vira homem e vai frente a frente com o cara e pede desculpa.

Enzo Mercurio disse...

Pedir desculpas é um ato de maior grandeza.
Parabens.
Se todos fizessem isso , não teria tantas brigas .
Agora o lado que perdeu tem que trabalhar pensando em 2014 .
Um dia o PT tambem era oposição e com um plano vitorioso , hoje está no poder.
Qual a estrategia da oposição hoje?

Gabriel disse...

Esse Andryo deve se desculpar é na justiça. Bocalom deve processá-lo para ele, mediante um juiz, aprender a ser um cidadão. Já não digo nem civilizado, pq quem age com uma falta de compostura dessa não devemos esperar tal virtude. Um sujeito que exerce uma função pública devia pelo menos respeitar o Estado.
Que papelão ridículo. São por atitudes como essas que vcs tão ganhando com as calças na mão, embora com as duas máquinas na mão. Continua assim, imbbecil, que em 2014 tu vai encontrar as respostas que procura.
Será que esses pelegos não aprederam com os erros do Binho, que quase entregou o estado. Todo mundo viu o esforço absurdo que o tião fez para reverter o quadro que estava perdido.

Joana D'Arc disse...

CERTAMENTE ANDRYO AMARAL SERÁ CONDECORADO Com ' Alguma ' COMENDA!
DEVERÁ HOSTENTAR PELO RESTO dos SEUS DIAS de VIDA... ' A Pública Vergonha de que NÃO RESPEITA As PESSOAS ... ESPECIALMENTE As MAIS VELHAS ' !!!