quinta-feira, 3 de julho de 2014

"Mas eu tô tão feliz! Dizem que o amor atrai"

Presidente Dilma Roussef incluiu no Orçamento da União R$ 70 milhões para construção da quinta ponte (sim, a quinta no trecho que banha Rio Branco), além de terminais de integração e corredores de ônibus. O rio, que agoniza por causa da derrubada da mata ciliar, nesse ritmo corre o risco de se tornar invisível com tantas pontes sobre o seu leito. Favor não esquecer da ponte sobre o Rio Madeira.

2 comentários:

Eliza Alves disse...

Por favor meu caro jornalista, uma coisa é cuidar de salvar o nosso rio Acre, a outra é mobilidade. Pontes são necessárias sim, porque precisamos ir e vir com qualidade já que nossa cidade é "partida".

Elizanilde Alves
Professora

João Nicácio disse...

Sem problemas quanto à outra ponte (afinal, é necessária) - mas, como você tão bem observou, E A PONTE DO MADEIRA, que desde 2009 tem a prioridade tirada pelos (des)governos petistas?