terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Bandido é morto por PM ao tentar assaltar sogro do governador Tião Viana


Banedito Francisco de Oliveira, 76 anos, pai da primeira-dama do Acre, a arquiteta Marlúcia Cândida, foi alvo de assalto na manhã desta terça-feira em frente ao prédio onde mora, na Rua Major Ladislau Ferreira, no bairro Abraão Alab.

O sogro de Tião Viana foi abordado por dois homens que montavam uma motocicleta, supostamente com a intenção de roubar o carro dele, um IX35. Um segurança da Polícia Militar reagiu e matou um dos assaltantes. O outro fugiu com apoio de um terceiro assaltante.

Atualização às 12h37 - Nota de esclarecimento do presidente do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), Dirceu Augusto Silva:

“O Governo do Estado do Acre, por meio do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), vem a público esclarecer que, durante uma tentativa de assalto, ocorrida na manhã desta terça-feira, 28, em Rio Branco, o agente penitenciário, Raife de Oliveira Neto, interveio na situação, em defesa da vida de um cidadão, e baleou um dos assaltantes, que veio a óbito no local. A vítima, Marcos Alberto Alves da Cruz, que tentou cometer o assalto, cumpria pena em regime semiaberto por porte de arma e roubo qualificado com emprego de arma.

Dirceu Augusto Silva
Presidente do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen)”

2 comentários:

Raimundo Cavalcante disse...

O sogro do governador teve a sorte de está protegido pelo estado. Quando os cidadãos acre(i)anos também vai ter essa segurança? Aproposito, no bairro quinze, aonde moro, os traficantes estão trazendo todo tipo de insegurança aos moradores.

Raimundo Nonato

Carlos Floresta disse...

É fácil entender a "eficiência" dos agentes da Segurança Pública em suas ações pontuais: falta policiamento nas ruas da cidade (sobram assaltos, furtos e homicídios), em contrapartida, os policiais estão obrigados a proteger as autoridades e seus aparentados com "eficiência comprovada".