quinta-feira, 21 de março de 2013

FLORINDO, O PENSADOR

De dentro de BMW conversível, o ex-presidente da OAB-AC, Florindo Poersch, filosofa no Facebook sobre a pobreza de Rio Branco 


- Domingo, vendo a cheia do Rio Acre, penso: "Pena que por trás da beleza da natureza, escondem-se, quase sempre, as tragédias das alagações, sendo vítimas, em sua maioria, pessoas pobres, moradores da periferia de Rio Branco".

Pronto: agora todos sabem que o advogado é dono de uma BMW branca, conversível.

7 comentários:

joaomaci disse...

Até que estes urubus, ao fundo, não estão completamente deslocados da situação.

Enzo Mercurio disse...

O que os urubus ou "arubu" estao fazendo perto dessa BMW ?
Nao cabe uma BMW ai nessa margem ; se fosse uma RURAL estaria mais no contexto.

ELSOUZA disse...

Observem que os urubus estão inertes e possivelmente estupefatos pela presença no local de tão sublime , reluzente e impecável BMW. Altino, vc continua do cacete. Nojento!

Altemar disse...

Pobre do país que tem mais advogados do que médicos.

Francisco Dias disse...

Existem duas situações possíveis entre você e um advogado. Ou ele está te fodendo agora ou está defendendo-o pra te foder depois. Existe ainda um terceiro estado em que ambos os estados ocorrem ao mesmo tempo, dualidade essa que especialistas chamam de divórcio.

É muito fácil saber quando um advogado está mentindo: é só verificar se seus lábios estão se mexendo, ou quando assina qualquer tipo de documento. Existem profissões muito mais nobres que a do advogado, entre elas a de Prostituta e a de Sanguessuga, como se percebe no trecho abaixo, retirado da Veja, Galileu! Isto é e Superinteressante!:

A prostituta suga você enquanto você ainda tá vivo, a sangussuga suga você até você morrer e o advogado suga você até depois de morto (espólio).

Francisco Dias disse...

A profissão de advogado é a única que consta na Constituição como um dos pilares da Justiça e indispensável à sua administração. Porque os os polí
ticos sempre foram espertos!

Alex Mamed disse...

Falem mal dos advogados até precisarem de um. Ehehehehe É a classe sendo julgado pelo ato sem vergonha de apenas um.