segunda-feira, 22 de outubro de 2012

PARA JORGE VIANA


Comentário do advogado Neto Ribeiro sobre a nota "Campanha pé no chão", do senador Jorge Viana (PT-AC), no Facebook:

"De todo o seu texto, Senador, só posso concordar com a primeira parte: “que o segundo turno nos permite fazer uma comparação direta sobre quem é quem nessa eleição”. De um lado, Marcus Alexandre, o nome indicado pelo senhor e seu irmão, o atual governador Tião Viana, a despeito de todas as vozes contrárias no próprio PT e em toda a FPA. Nome vindo e imposto diretamente dos gabinetes para a população. Nome leve, é bem verdade - e nisso tenho que tirar o chapéu para o senhor e o seu irmão: são ótimos estrategistas, ou, aquilo que os entendidos da área costumam chamar de raposas políticas. E de todas as qualidades, a que mais se ressalta no candidato petista é o fato de ser um moço obediente e aplicado.

É perceptível - àqueles que conhecem - que o rapaz é uma boa montagem, talhado para o vídeo e que se esforça no corpo a corpo, apesar da sua falta de... digamos... "sal". Agora, Senador, querer nos fazer acreditar - subjetivamente - que o candidato do senhor percorreu 700km a pé apenas porque tem ou tinha o interesse de interagir mais de perto com a população para conhecer os problemas desta é afrontar a nossa inteligência. O seu candidato percorreu a pé todos esses quilômetros foi para se tornar conhecido do grande eleitorado, dessa massa pobre e carente, esquecida há muito pelos governos da FPA, iguais a essas crianças da foto, que brincam descalças na lama, em um bairro sem a mínima infraestrutura básica e de vivência com dignidade.

Quanto ao candidato oposicionista, Tião Bocalom, e as suas colocações, fico aqui a me perguntar. Se ele, que tem profissão e não se aposentou para se dedicar exclusivamente a política é chamado de candidato profissional por ter enfrentado o Senhor e o PT nos últimos pleitos, o que dizer ou chamar o Ex-Presidente Lula que se candidatou por 4 vezes consecutivas, ou seja, 16 anos, unicamente ao cargo de presidente?!?! Imagine, Senador, se ele tivesse desistido?!?! Hoje, provavelmente, não teríamos o núcleo duro do governo dele sendo condenado por corrupção no STF.

O nobre Senador diz que a oposição só quer chegar a Prefeitura para fazer política e oposição. Mas, pergunto: o que o Senhor, Senador da República faz agora não é puramente política?!?! E o que o PT fez durante toda a sua existência no plano nacional não foi apenas política e oposição irresponsável, já que quando se tornou governo abraçou as mesmas práticas (e até as piores, incrementado-as) dos governos anteriores?!?! E por acaso, essa oposição que o nobre Senador diz pesar não conta com nomes que outrora estiveram do seu lado a apoiá-los?!?! Deixe-me ver... Flaviano Melo foi seu chefe, já que o senhor serviu ao governo dele como Cargo de Confiança. Sérgio Petecão foi seu homem de ferro na ALEAC. Nunca na história deste Estado um Deputado foi tantas vezes reeleito ao cargo de Presidente... Isso para não citarmos outros que outrora engrossaram as fileiras da FPA, como este que vos escreve, mas que politicamente é a soma de nada e coisa nenhuma.

Espero em Deus, nobre Senador Jorge Viana, que a vontade manifesta nas urnas da maioria do Estado e aqui também da capital – já que a soma dos votos de oposição superam, e muito, os votos do PT, e isso sem contar os votos brancos e nulos – sirva de lição de humildade, mas, humildade verdadeira e não aquela do vídeo tão bem forjada pelos 20 anos de carreira política (quem diria Senador, o senhor se tornou aquilo que sempre criticou: um político carreirista!) aos dirigentes da FPA, vencendo ou perdendo o pleito vindouro, tanto quanto seja lição para a oposição, para que aprendam, os dois lados, de uma vez por todas, que o servir é servir ao coletivo, ao todo, e não apenas a um grupelho de apadrinhados e a interesses pessoais."

8 comentários:

Flávio Martino disse...

O nobre advogado não poderia estar mais certo. Comentário lúcido e bem temperado. Concordo com tudo. Uma pena que a grande maioria da população nao tem acesso a esse tipo de informação.

Beneditino disse...


O cinismo tem sido a marca registrada do PT nos últimos 10 anos.

gualter disse...

Testemunhei quando o recém chegado filho do então Dep.Federal Wilde Viana, JORGINEY VIANA DAS NEVES, no gabinete do então governador FLAVIANO MELO, foi nomeado Diretor Técnico da FUNTAC.

Joana D'Arc disse...

FAÇO_As MINHAS PALAVRAS Na INTEGRALIDADE!!!

Paulo Wadt disse...

Esse excelente texto foi uma resposta à postagem que o senador fez em seu perfil no facebook.
O triste é que a postura arrogante do senador não se restringe ao período eleitoral.
Pois se a mentira e a falta de respeito à oposição fosse somente nesta época seria até um pouco mais compreensível pela exaltação dos ânimos pessoais ou pela ansiedade em se ganhar uma eleição.
Mas o poder lhe cegou de tal forma que hoje somente enxerga nas pessoas um bando de animais a serem domesticados.
E parece que isto é tudo o que sobrou da Florestania: o povo sendo tratado como bicho do mato.

Fátima Almeida disse...

É o seguinte: os da FPA se acham bonitos, competentes, inteligentes, melhores e superiores,e que sem eles nunca poderá acontecer nada de bom; para eles, as pessoas da oposição são feias, incompetentes, mentirosas, burras, falam mal ou não sabem falar, inferiores.Têm senso aristocrático e propensão ao fascismo. Caso vençam as eleições vão dizer que foi mais uma vitória da democracia! Na verdade, usaram o dinheiro do contribuinte, nomeando bajuladores despreparados para piorar o serviço publico em geral e que contribuem para o partido ter dinheiro para as campanhas milionárias, sem mencionar o dinheiro grosso dos empresários que ganham licitações.Enfim, é horrível perceber que no final quem paga a conta somos nós contribuintes.

sergio souto disse...

CARO NETO, BOM DIA!

PARABENS PELO TEXTO ELEGANTE E DE FACIL ENTENDIMENTO.
EM TODA MINHA VIDA DE ACRE (MESMO LONGE) CONHECI GENTE MAIS CÍNICA, MENTIROSA E ARROGANTE!
LAMENTO MUITO E TORÇO POR DIAS MELHORES PRA NOSSO POVO.

UM ABRAÇÃO AMIGO!

simplesmensagens disse...

Olha só pessoal, vamos entender uma coisa de uma vez por todas: UMA COISA É CHEGAR AO PODER. OUTRA COISA É PERMANECER NO PODER! Muito simples.