sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

MINHA VIDAS ALHEIAS


"Altino,

veja aí, meu chefe. És o maior responsável por ainda estar com a escrita na ativa. Deste-me a vara e o anzol. Não posso esquecer que, às vezes, comemos juntos o peixe frito e por ti pescado. Deste-me a vara de pescar, assim entenda.

Se tiveres um espaço, divulgue-me. Este é só de contos.

Tenho dois outros (contos e crônicas) em fase de revisão, a serem publicados em 2012, se viva estiver. E Deus há de querer que esteja. Aleluia.

Não haverá festa de lançamento e nem banca de vendas. Escrevo para presentar a quem me quer bem. Sou "dadeira" por vocação. Meu negócio é esse.

Espero, em 2013, também a Deus querer, venha um romance. Sabe-se lá.

Leila Jalul"

2 comentários:

Enzo Mercurio disse...

Gostaria muito de ler seu livro .Já comprei outros livros de autores Acreanos.
favor me dizer qual o caminho para a compra.
Meu email:
marcos.alb@uol.com.br

Golby Pullig disse...

Oi Leila, gosto demais dos teus textos e já vi que não teremos como comprá-lo a não ser que você resolva doar. Dá um pra mim? Depois de ler prometo não deixar empoeirar na estante. Vou passar adiante que é o destino de todo bom livro. Abraço. Se decidir me dar, entre em contato que dou um jeito de ir buscar.

Email: golbypullig@gmail.com.