sábado, 6 de agosto de 2011

PERUANOS CERCAM EQUIPE DA FUNAI

Funcionários da Funai (Fundação Nacional do Índio) permanecem cercados por um grupo paramilitar peruano que invadiu o território brasileiro, na fronteira do Acre com o Peru. Os peruanos estão armados com fuzis e metralhadoras.

Os quatro funcionários e o sertanista José Carlos dos Reis Meirelles, que trabalha para eles, foram levados em helicóptero durante operação da Polícia Federal nesta sexta-feira (5).

A equipe decidiu permanecer na Frente de Proteção Etnoambiental do Rio Envira, mantida pela Funai no igarapé Xinane, na tentativa de proteger os índios isolados da região.

Com base nos vestígios encontrados na floresta, a equipe da Funai estima a presença de pelo menos cinco homens em mais de um grupo paramilitar.

Os peruanos rondam a base e deixam os funcionários em situação de extrema vulnerabilidade em caso de conflito armado. A situação não depende mais da ação da Funai, pois se configura uma questão de segurança nacional.

Leia mais no Blog da Amazônia.

4 comentários:

Janu disse...

Ai, ai, ai...Que isso termine bem.

Enzo Mercurio disse...

Exercito já na fronteira !!! Acordem soldados ; vamos defender nosso territorio.
Peguem a bandeira Acreana e " SENTA A PÚA " .

Altemar disse...

Chamem Companhia de Selva.

Mario Marcelo disse...

Por mim não existiriam fronteiras, mas jah que existem , vamos defender a nossa.