sexta-feira, 17 de setembro de 2010

UMA NENÉM DE 100 ANOS DE VIDA


Faz 100 anos que Maria Benício Fontenele, mais conhecida como Neném, nasceu na colocação Santa Fé de um seringal na divisa de Xapuri (AC) com a Bolívia.

Aos 15 anos de idade, casou pela primeira vez com Antonio Nogueira. Posteriormente, casou com José Benício Fontenele, com quem constituiu como principal patrimônio o seringal Espalhado, em Rio Branco, que abrangia mais ou menos a área do que atualmente é o bairro Irineu Serra.


Doente, Fontenele pediu que a união deles fosse oficializada e casaram dentro do hospital, no dia 21 de dezembro de 1942. Ficou viúva três dias depois. Após dois anos, casou com Guilherme Gomes da Silva, filho de um dos primeiros seguidores do mestre Irineu Serra, fundador da doutrina do daime.

Dona Neném é mãe de 11 filhos, mas apenas quatro sobreviveram. Possui 25 netos, 42 bisnetos e cinco trinetos. Ex-seringueira, trabalhou a maior parte da vida como costureira. O cliente mais famoso dela foi o negro maranhense Irineu Serra, que media 1,98m de altura. Também costurava para a guarda e detentos do presídio de Rio Branco.

- Ela não sofre de nenhuma doença. Não tem hipertensão nem diabetes e não toma remédio de farmácia. A "doença" dela é apenas a idade. Tem vivido tanto, creio, porque sempre buscou o equilíbrio e a calma, evitando qualquer tipo de conflito - afirma o filho José Guilherme.

Bem, conheço dona Neném há 24 anos. Eu era pagão e ela se tornou minha madrinha de apresentação. Sabedor de que confeccionava e mantinha uma coleção de quase cem bonecas, quando completou 90 anos a presenteei com um boneco. Na última vez que procurei saber a respeito do comportamento do garoto, ela respondeu:

- Ah! Ele vivia atrapalhando a vida das meninas. Não parava de beliscar minhas meninas e tive que afastar do convívio delas.

Pertencente ao Centro de Iluminação Cristã Luz Universal - Alto Santo, fundado por Irineu Serra, dona Neném possui o hinário Talismã, cujo título por si já explica sua delicadeza e elevação espiritual, que será cantado na noite desta sexta-feira. Toma daime há mais ou menos 70 anos. Um genro indagou se vai tomar daime na festa de aniversário.

- Só se não me derem, meu filho - respondeu.

9 comentários:

Fernanda disse...

Linda demais.
O olha dela é emocionante. Cheio de vida, de vida que já viveu e de vida que ainda viverá.

Só lembro do meu avó que era do Daime, talvez vc o conheça. O Enoque Albuquerque Ramalho. E talvez ele tenha conhecido ela. Se meu avó ainda fosse vivo hoje os dois juntos teriam muito mais historias para nos contar. rs

Parabens pra Dona Neném. Que ela continue espalhando ternura, alegria e vida!

Abraços

Fernanda Ramalho

www.brindoavida.com.br

Daniel disse...

Quero envelhecer com esse sorriso no rosto!

Dantas disse...

Aproveito a oportunidade para deixar os meus Parabéns e desejar Feliz Aniversário para nossa Matriarca!Abraços Atino!

Odele Souza disse...

Poucas são as pessoas que chegam à idade de Dona Neném da forma que ela está chegando. Lúcida e com saúde. E que bonita a história de vida de Dona Neném. Um beijo especial pra ela neste dia em que completa 100 anos.

Vera disse...

Muitos e muitos anos ainda virão, saúde sempre.O meu avô tambem tem quase cem anos,completará em abril de 2011 se Deus quiser.Um forte abraço.

Yuri Barbosa disse...

Faco parte dos 42 BISNETOS, minha bisazinha...adoro ela e sempre engracada...felicidades voh

Andarilho disse...

PARABÉNS a essa criança!!!

Olhar essa foto dela, os olhos, é como voltar a ser criança.
Transmite alegria.
Deve ter sido uma bela festa.

Joema disse...

Ela é uma linda! Uma fofa! Meu Deus, como adoro os idosos! Tomara que chegue lá com pelo menos, metade da doçura dela!!! Estou encantada. Ganhei meu dia! Obrigada por dividir essa reportagem com a gente!

Abraço.

vitinho disse...

P/ que esteve presente sabe o quanto foi lindo a festa. A Dn Nenem fez aniversário e quem ganhou o presente foram os que estavam presentes! Viva a aniversariante!