quarta-feira, 31 de março de 2010

BAND EXIBE A ORIGEM DO DAIME


O Jornal da Band exibirá (sexta-feira, 2, e sábado, 3) duas longas reportagens de Valteno de Oliveira e do cinegrafista Eliésio Rodrigues sobre a polêmica a respeito do uso da ayauhuasca (daime) no país.

O Jornal da Band realizou a proeza de entrevistar os dirigentes dos dois centros mais tradicionais do daime - dona Peregrina Gomes Serra, viúva do mestre Raimundo Irineu Serra, fundador do Centro de Iluminação Cristã Luz Universal - Alto Santo, e Francisco Hipólito de Araújo Neto, do Centro Espírita e Culto de Oração Casa de Jesus Fonte de Luz.

Embora avessos a qualquer tipo de divulgação sobre o uso do daime, Peregrina Serra e Francisco Hipólito consideraram oportuna a abertura de seus respectivos centros para a equipe do Jornal da Band após o assassinato do cartunista Glauco e de seu filho Raoni, em São Paulo.

Ao tratar da polêmica sobre o uso do daime, com destaque para os centros de origem, que não enfrentam problemas de ordem pública, o Jornal da Band exibirá o depoimento do senador Tião Viana (PT-AC), pré-candidato ao governo do Acre.

Além da defesa da doutrina do daime, o futuro governador do Acre relata a experiência que teve ao tomar ayahuasca com os índios.

Como esteve no Acre na semana passada, quando não havia concentração ou hinário nos dois centros, o Jornal da Band vai exibir imagens inéditas cedidas pelo Alto Santo. Entre elas, da colheita da folha chacrona e do cipó jagube e do feitio do daime.

É reportagem pra valer, feita por quem busca as fontes. Bem
diferente da ficção com máscara de jornalismo que tem imperado na mídia a respeito da doutrina fundada pelo negro maranhense Irineu Serra.

Na foto, dona Peregrina Serra, dignitária do Ciclu-Alto Santo, ao lado das bandeiras do Acre, Brasil e Maranhão.

11 comentários:

Lindomar disse...

Caro Altino,

que bom que a Band mostrará um outro lado e, talvez o mais correto. Pouco entendo da doutrina e não possuo opinião formada a respeito. Agora o Tião falar como futuro governador é muita presunção...

Bom trabalho.

Lindomar Padilha

ALTINO MACHADO disse...

Caro Lindomar, você se equivocou. Tião Viana não falou como futuro governador. Ele falou como senador. OK? Eu, Altino Machado, que tomei a liberdade de tratá-lo como futuro governador. Só não será governador se não for candidato. Duvida?

Lindomar disse...

Ah! aí pode.

Lindomar Padilha

Thiago Silva disse...

Esperar para ver... Se não fizerem como alguns outros jornalistas que na hora da entrevista deram um tom à reportagem e na edição a coisa foi bem diferente...

Fé que a verdade sempre prevalecerá!

Paz a todos!

Jean Freire disse...

Altino,
Estava viajando para o interior de Assis Brasil, Seringal Icuriã, Alto Rio Iaco. Retornando de lá, para minha surpresa, ao ler a VEJA da semana passada, deparei-me com a forma preconceituosa com que a revista falou a respeito do Daime ou Vegetal como alguns também o conhecem.
É impressionante que a mesma revista que fala tanto da liberdade de imprensa, de pensamento, seja a mesma revista que generaliza um fato isolado, dissemina - haja vista o seu alcance nacional - uma informação mentirosa, pejorativa e preconceituosa.
Há aproximadamente vinte anos que bebo esse chá, e nesse tempo todo nunca fiquei alucinado, "doidão" como eles querem nos fazer parecer.
Acho que se o Daime tivesse surgido lá pro Sul, em São Paulo, por exemplo, eles dariam um tratamento mais respeitoso aos seus usuários. Mas como nasceu no seio da floresta, e depois foi institucionalizado como religião por gente simples, em sua maioria nordestinos há toda esse querela em relação ao Daime.
Mas como diz a música de uma amigo meu: - Se farinha fosse americana e mandioca importada, banquete de bacana era farinhada!.
Um forte abraço.
Jean.

Silvio Araujo disse...

Não poderiam ter escolhido uma data melhor para essa reportagem: plena semana santa! Que Deus e Nosso Senhor Jesus Cristo protejam essa doutrina santa da floresta, e que o povo, que foi tão mal-informado sobre esse assunto por essas revistas preconceituosas, agora se esclareça um pouco melhor!

caio disse...

Temos certeza que essa reportagem mostrará a verdade imagem dessa santa Doutrina criada a anos atrás para ajudar diversas pessoas a se livrarem de vícios e saírem das depressões que o mundo nos proporciona,tenho certeza tambem que essa reportagem foi Deus que está nos enviando,pois Ayahuasca não é apenas um chá que se chega e se toma,quem já tomou e conhece seus princípios sabemos que se devem ter muito respeito pela bebida.Que Deus iluminem vocês nessa reportagem e mostrem a verdadeira imagem do Santo Daime que é sempre o bem!

Altemar disse...

" o futuro governador do Acre " dá pra entender o tamanho da cagada que a Marina fez? Que raiva.

Dep. Perpétua Almeida disse...

Olá Altino.
Que bom essa matéria na Band.
O debate aqui pelo Congresso tem sido duro.O preconceito já é sempre ruim e, quando de mãos dadas com a desinformação, é uma arma perigosa.
Prestei minha solidariedade aos amigos da tribuna da Câmara.
Acho muito bom que o Tião tenha dado seu depoimento na matéria, afinal, queiram ou não, ele é a maior autoridade política do Acre no Congresso. Depoimentos como o dele ajuda muito na defesa de nossa cultura, da liberdade de credo.
Vida longa a Ayauhuasca, patrimonio dos Amazônidas e do poco brasileiro.
Bjs pra você e meu forte abraço na Madrinha:
Perpetua Almeida

Andarilho disse...

Espero que essa reportagem não seja tendenciosa e mostre, com profissionalismo, a boa história que é o surgimento do daime até os dias de hoje.
Um abraço Altino.

Dani e Clarice Franco disse...

Altino,
que grande decepção foi o VT da Band. Comentada pelo Boris Casoy então, foi a cereja do bolo de uma matéria que não disse nada do que se propôs...

Mais uma para o imenso hall de produções mal feitas sobre as religiões ayahuasqueiras...

Fraternalmente

Dani Franco