domingo, 17 de janeiro de 2010

O AÇUDE VERDE

Num ramal da Via Verde, no bairro Amapá, na periferia de Rio Branco (AC), o proprietário de uma chácara usou trator para construir um pequeno açude. Diferente dos demais açudes do entorno, do dele jorrou água que forma um espelho verde.

A água é tão límpida que dá para ver o fundo do açude e seus peixinhos. Está na área do Aqüífero Rio Branco, que não é considerado estratégico numa cidade que enfrenta sérios problemas de abastecimento de água por causa de um rio Acre massacrado pela insanidade dos pecuaristas.

Diversas obras têm sido construídas sobre o Aqüífero Rio Branco sem o menor respeito à legislação ambiental. Um dos principais infratores é o "governo da floresta". Construiu um hospital e já começou as obras de uma "rodoviária internacional".

Detalhe: de um lado, na Via Verde, o hospital; do outro, em frente ao hospital, a rodoviaria.

20 comentários:

SOS Familias disse...

Sensacional!! Infelizmente, temos poucos assim. Parabéns pelo trabalho. Admiro muito! Silvia - Vila Velha - ES

Cristina L disse...

Fico feliz com notícias assim. Tomara apareçam outros açudes lindos, límpidos e que tragam alegria aos que tanto precisam.
Cristina Lopes

...vdj... disse...

Um dos locais necessita de silêncio... o outro é barulhento por natureza.

Belo contraste, objeto das idéias dos projetistas do governo do estado!

Que tem idéias e projetos bons eles não dão espaço... sempre usam a mesma panela. Sempre.

Olha que a comida estraga, hein!

.
.
.

Andarilho disse...

Até hoje não sabemos por qual motivo esse hospital continuou sendo construido ali, naquele local que fica sobre o único aquifero da cidade e representa o futuro socorro da população, caso do rio Acre enfrentar sérias secas. O que não será difícil de acontecer, pois em todo seu percusso, não existe uma política de preservação das matas que o cercam, dentre outros fatores.
Sei que é importante a construção do hospital para desafogar o atendimento do PS e melhor atender a população, mas temos outro lugar para se fazer isso.
Vi esse acude ao longe e não imaginava que fosse tão limpa a água de perto, quanto é de longe.
Parabéns ao idealizador dessa ação.
É Altino a florestania só existe no blá,blá pra gringo ver.
Parabéns pelas fotos.

Picaretas da Távola Redonda disse...

Isso não é contaminação não? Parece poluição... algum poluente que deixa a cor da água assim...
Enfim

Juruá disse...

Tá mandando bem no photoshop hein Altino?! hehe

Abraço,

Brenda Calia disse...

Acho que esse açude e azul rsrsrs muito lindo !

Anderson disse...

Insano e botar toda a culpa da poluição do Rio Acre nos pecuaristas, na hora de comer a carne ninguem pensa no sacríficio que é bota-la na mesa dos acrianos e a dificuldade de você ser um empresário rural no governo do PT.

Anônimo disse...

Altino,

Parabéns pelas fotos.

Acredito que as águas são azuis nesta região em face de ser um local de planície, cujos açudes recebem água da chuva e lá fica, se vê também esta qualidade de água nos açudes às margens a direita da Rodovia AC-40 sentido Rio Branco /Quinari. Diferente de outras regiões de solos acidentados que os reservatórios recebem águas de enxurradas das erosões.

Francisco Dias disse...

Isto está me parecendo uma eutrofização, que é o fenómeno causado pelo excesso de nutrientes (compostos químicos ricos em fósforo ou nitrogénio, normalmente causado pela descarga de efluentes agrícolas, urbanos ou industriais) num corpo de água mais ou menos fechado, o que leva à proliferação excessiva de algas, que, ao entrarem em decomposição, levam ao aumento do número de microorganismos e à consequente deterioração da qualidade do corpo de água.
As principais fontes de eutrofização são as actividades humanas industriais, domésticas e agrícolas – por exemplo, os fertilizantes usados nas plantações podem escoar superficialmente ou dissolver-se e infiltrarem-se nas águas subterrâneas e serem arrastados até aos corpos de água mencionados. Ao aumento rápido de algas relacionado com a acumulação de nutrientes derivados do azoto (nitratos), do fósforo (fosfatos), do enxofre (sulfatos), mas também de potássio, cálcio e magnésio, dá-se o nome de "florescimento" ou "bloom" – dando uma coloração azul-esverdeada à água.Esta é a opinião de meu pai, um simples técnico agrícola, com a palavra algum engenheiro agrônomo ou biólogo, pois eu acho que essa água não brota esverdeada.
Já sei, com a palavra João Soares de Figueiredo(João Tota)ele manja disso aí.lol

Iberê Thenório disse...

Verde? Pra mim tá mais pra azul, Altino! Isso tá com cara de algum mineral especial, não?

Luís Eduardo C. R. Valle disse...

Quer dizer então que os fazendeiros também são culpados pelo massacre do rio acre?
Quanta ignorância!

...vdj... disse...

Seria bom se o lago do planetário fosse com uma coloração assim. Sonho.

vilmar disse...

bem capaz!

estes "loucos" sempre querem culpar a agropecuária da destruição ambiental... olhem só o sul/sudeste/centroeste do pais como está conservado! tudo verdinho, verdinho de soja! ah, mas e o alimento quem produz? bem, a soja ñ faz parte da minha base alimentar! o bife sim! mas da pra produzir mta mais carne que a humanidade possa comer sem derrubar mais uma árvore...

vilmar disse...

E esta propriedade, tem autorização ambiental? rsrs

Luís Eduardo C. R. Valle disse...

Poxa Vilmar,
ta com a solução do mundo nas mãos.
diz aí, vai alimentar o mundo sem derrubar mais nem uma árvore!? uau!!!
A soja faz parte da ração do gado, do frango, está no óleo, nas suas frituras e também deve estar no armário da sua casa.
Mas abre o jogo aí, como vamos mesmo alimentar o mundo sem derrubar mais nem uma árvore?

vilmar disse...

1º ñ consumo óleo de soja, pois além de fazer mal pra saúde humana (contém agrotóxicos extremamente cancerígenos, dentre outros...), patrocina a destruição ambiental!;
2º consumo carne dos boizinhos, franguinhos e porquinhos la do sitio da minha família q comem milho, mandioca e pasto! (sei q nem todos tem um sítio, mas quem assim desejar, pode ir la e comprar dos pequenos sitiantes e se alimentar com produtos mais saudáveis);
3º só os energúmenos acreditam q é necessário continuar desmatando para produzir alimentos!

Anderson disse...

Vilmar

A carne é inspecionada? eles criam esses animais dentro da floresta? ou desmataram para poder criar?
Se vc e seus familiares estão comendo e vendendo os "boizinhos" saiba que isso é carne clandestina e perigosa, esse alimento sim faz muito mais mal para sáude do que o óleo de soja.

Luís Eduardo C. R. Valle disse...

Vilmar, vai morar no Peru.
Civilizaçao modelo pras suas teorias.

vilmar disse...

opa, talvez eu monte uma barraca nas encostas do macho-picho...

ps: a carne perigosa é aquela cheia de hormonios e quimico-sintéco q os ruralistas aplicam no rebanho!