quinta-feira, 27 de outubro de 2011

OFENSAS A JESUS CRISTO E À VIRGEM MARIA

A Justiça do Acre indeferiu duas ações populares que pleiteavam a aplicação de uma multa de R$ 20 milhões por danos morais contra a empresa Google por armazenar em seu banco de dados expressões ofensivas a Jesus Cristo e à Virgem Maria.

As duas ações populares foram ajuizadas pelo advogado goiano Júlio Cavalcante Fortes. Numa delas, o Google era criticado por armazenar matéria cujo conteúdo questionava a sexualidade de Jesus Cristo.

Para o advogado, isso constituiria “ofensa à honra e reputação, atributos do Salvador, Filho de Deus, que seria um patrimônio moral e histórico cultural de toda a humanidade, do Brasil e do mundo.”

Fortes pedia que a aplicação de multa de R$ 20 milhões fosse revertida em favor de obras sociais e filantrópicas de Rio Branco (AC).

Ele arrolou diversas testemunhas, dentre elas o bispo da Prelazia do Acre e Purus, além de integrantes da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil.

Em outra ação, o pedido foi para que fossem retirados do Google termos pejorativos direcionados à Virgem Maria.

- As ofensas atingem a honra e a reputação da Virgem Maria - escreveu o advogado.

O juiz Lois Arruda, titular da 3ª Vara Cível de Rio Branco, indeferiu os dois pedidos, considerando inadequado o procedimento jurídico.

- A Ação Popular só é cabível para anular atos lesivos ao patrimônio público de maneira geral e à moralidade administrativa, ao meio ambiente e ao patrimônio histórico e cultural, desde que sejam bens protegidos de qualquer maneira pelo Poder Público (União, Estados ou Municípios) - diz o magistrado na sentença.

Embora reconheça que as figuras bíblicas façam parte do patrimônio histórico-cultural da humanidade, o juiz argumentou que não há nenhum recurso público empregado para protegê-los. Dessa forma, “não cabem as ações populares propostas”.

O juiz destacou ainda a importância da manutenção do espírito democrático na sociedade brasileira.

- Embora os termos sejam absolutamente grotescos e chocantes, é muito difícil em uma sociedade aberta, democrática e plural como a nossa, evitar expressões como essas, ou opiniões e teses, tenham elas ou não caráter histórico, científico, religioso ou moral, público ou privado.

12 comentários:

LUÍZIO VIDEOREPÓRTER disse...

AVE MARIA CHEIA DE MASSA... SANTO SÓ JESUS E PONTO. O RESTO NÃO PASSA DE MASSA DE GESSO.

LUÍZIO VIDEOREPÓRTER disse...

(Mateus 1:24-25)"E José, despertando de seu sono, fez como o anjo do senhor lhe ordenara e recebeu sua mulher.E não a conheceu até que deu a luz seu filho, o primogênito e lhe pôs o nome de Jesus"...

Segundo esse verículo, Maria foi virgem até conceber Jesus"...[José]não a conheceu até que deu a luz seu filho..."
Mesmo ela sendo escolhida dentre várias para gerar Jesus, ela não é nenhuma santa.Até porque, onde está escrito isso na bíblia?Qual trecho diz que Maria recebe as orações?Qual trecho diz que devemos nos curvar a ela e coisas do tipo?

Maria é como eu e como você...

(Lucas 11:27-28)"E aconteceu que, dizendo ele[Cristo]estas coisas, uma mulher se levantou dentre a multidão e gritou:"Feliz a mulher que te amamentou!"; mas ele[Cristo]disse:"Antes, felizes são aqueles que ouvem a palavra de Deus e a guarda."

cineclube cocar disse...

Altino,

Sabe que todas estas questões político/sociais/;religiosas que seu blog tem levantado está explicitando pontos de vistas, vivemos uma gerra ideológica, que pode ser muito bom, mas observando as respostas, o que vemos é o contrário, crentes ( aqui não me refiro aos evangélicos) querendo impor pontos de vistas dogmáticos de todo jeito. Como a própria notícia do blog. Esta ação contra a google, ao meu ver, é rídicula e demonstra apenas outra versão do fundamentalismo sectario, o católico, neste caso.
Como disse em um comentário anterior, mais do que nunca neste momento precisamos buscar entender de coração e mente livre as mensagens de Jesus, pois em seu nome, observo grandes equívocos que nada tem de ver com o espirito Crístico. O que vejo é politicagem, busca de poder e alienação.
Jesus éuma figura complexa, os gnósticos tinham uma visão interessante do Mestre, o chamavam de Jesus, O VIVO. O que os religiosos querem hj, é o Jesus de gesso, crucificado eternamente em um calvário de ignorância.
Jesus, O VIVO é um Jesus que dialoga com todas as épocas históricas, que tem um espirito arquetípico, numinoso, sagrado dentro de nossos corações e não uma imagem congelada que é utlizada para justificar as piores atrocidades.
Jesus é também uma figura arquetípica e não entendê-lo assim pode nos levar a generalizações e pensamentos rasos. Como toda figura simbólica, é fonte de inspiração e significados, que ao tentar defini-lo já o perdemos. Por esta força, ele dá margem as mais variadas interpretações que a mente humana pode criar. Qual o problema de um Jesus gay, se alguém quer criar argumentos para isso, é um iconoclasta, e daí? Acho que o que precisamos hoje é de iconoclastas raivosos, querendo romper as imagens tão opressoras criadas em torno de símbolos tão sagrados.
Qual a importância se Maria era virgem ou não? São Jorge, talvez nunca existiu, mas seu espirito guerreiro existe na forma de arquétipo, é a mesma energia de Ogum ou dos Deuses da guerra busdistas.
Enquanto ficarmos nas roupagens e não adentrarmos na alma de fato, não existirá dialogo de fato nem respeito a diversidade. Nesse caso ainda do google, temo de respeitar a liberdade de expressão, pois não quero mesmo um Jesus padrão, modelo, moldado sob os olhos de determinada doutrina. A figura de Jesus é rica justamente por isso, pois não cabe em definição nenhuma e nem de ve caber, pois quando definirem completamente Jesus, já não estaremos falando de Jesus.

Márcio Chocorosqui disse...

A pior ofensa é ganhar dinheiro em nome de Jesus, para benefício pessoal, abusando da boa fé de gente humilde.

Francisco Nazaré disse...

Concordo totalmente com você Márcio Chocorosqui.

Wesley de Oliveira disse...

Concordo Márcio Chocorosqui

Fátima Almeida disse...

A amada Mãe Maria tecia e cozinhava suas lentilhas em paz, em sua casa. Nunca imaginou que seu drama familiar se tornasse o assunto principal do mundo por milênios. Ela nunca postulou santidade. Nunca imaginou que seria o centro de polêmicas criadas em torno de sua pessoa. E Jesus por sua vez nunca imaginou que surgiriam religiões e templos em seu nome, nunca projetou isso, nem sugeriu ou pediu que construíssem igrejas, ele apenas disse onde quer que se reúnam em meu nome aí eu estarei. Só isso. e provavelmente ele sentiria grande desgosto se soubesse que sua amada mãe seria alvo de escárnio de pretensos seguidores seus. Maria não esboçou nenhum marketing em torno de sua imagem, não criou nenhum dogma para si, quem os criou, os dogmas, foram os doutores da igreja nos concílios. E depois, a Igreja Católica patrocinou as artes plásticas e surgiram milhares de obras de arte sobre passagens bíblicas dos grandes mestres da pintura e da escultura, cujas obras hoje são patrimônio cultural. Portanto, deixem a Amada Maria em paz, em respeito mesmo ao seu próprio filho. Se querem atacar a Igreja Católica então ataquem. As pessoas não sabem ser dedicadas às suas religiões sem estar a atacar as outras, sentem-se muito a vontade para externar seus rancores e ressentimentos publicamente deixando-nos um alerta que devem ser perseguidores talvez em seus próprios lares contra seus próprios parentes caso abracem outra religião que não a sua. Onde elas vão ou estão não pode haver paz. Não têm nenhum ofício ou profissão que as realizem como pessoas porque as pessoas felizes com elas mesmas não se ocupam a desrespeitar as outras.As frustradas estão sempre buscando uma válvula de escape para o seu ressentimento, em geral, através dessas profusas religiões..

Barquinha Madrinha Chica disse...

Grande Fátima, concordo plenamente. Costumo falar: Imaginem o que diria Jesus, O Filho de Deus, presenciando um desses fundamentalistas arraigado, julgando, criticando, ofendendo e discriminando um irmão (próximo).

É como costuma dizer minha Madrinha: As vezes se critica, julga, ofende e discrimina um determinada pessoa que estar no coração de Deus...

@MarcelFla disse...

Os concílios, é quase inútil citá-los, ignorantes não fazem idéia do que sejam, seguem algo por seguir, não se preocupam sequer em descobrir sua raíz. Foi o primeiro concílio de Niceia que afundou, qualquer possibilidade de crença de minha parte, mas graças aos deuses (senti um nó sendo criado em cérebros toscos), não afundou meu respeito, coisa que fundamentalista desconhece...

No mais, vou com meu amigo Chocorosqui, e envio um grande e fraterno abraço a todos da Barquinha de Madinha Chica Gabriel, onde tive o privilégio de tomar o Santo Daime.

Enzo Mercurio disse...

Esse advogado poderia entrar com uma pendenga contra a corrupção no nosso país .Talvez assim tivesse mais sucesso na empreitada.

Renaldo disse...

Como diria um pensador europeu, o chamado "mundo cristão" é como uma pedra que foi tirada do oceano, por fora úmida, por dentro seca. Isto quer dizer que a palavra de Cristo chegou, mas não penetrou onde deveria, que é o ser humano, lógica de suas pregações. É um mundo onde os valores éticos de JESUS CRISTO, menos contam. Vejam o exemplo dos EUA, um país colonizado por puritanos cristãos e deu no que deu, um império patrocinador em sua história de guerras e outras coisas q vão de encontro a ética CRISTÃ.

Kelvin Pinho disse...

É um ABSURDO o que esse Luizio VideoReporter disse!

"AVE MARIA CHEIA DE MASSA"

e dizer que "Maria é como eu e como você".

Ainda deve se achar Cristão!?

O que eu concordo plenamente é com a opinião do Márcio Chocorosqui:

"A pior ofensa é ganhar dinheiro em nome de Jesus, para benefício pessoal, abusando da boa fé de gente humilde."