sábado, 6 de agosto de 2011

FRONTEIRA PREOCUPA TIÃO VIANA

Governador teme violência de mercenários peruanos contra índios isolados no Acre


O governador do Acre, Tião Viana (PT), considera “grave” a situação na fronteira com o Peru, onde grupos paramilitares peruanos, armados com fuzis e metralhadoras, cercaram cinco funcionários da base da Frente de Proteção Etnoambiental, mantida pela Funai (Fundação Nacional do Índio), no igarapé Xinane.

A região é habitada por quatro etnias de índios isolados, que ficaram conhecidos mundialmente quando foram fotografados pela primeira vez. As imagens dos guerreiros atirando flechas no avião de uma equipe da Funai, publicadas com exclusividade por Terra Magazine, em maio de 2008, tiveram enorme repercussão dentro e fora do País.

Preocupado com a segurança da equipe da Funai na região e com a possibilidade de que os índios isolados tenham sido alvo de violência dos grupos paramilitares peruanos, o governador telefonou para o ministro da Justiça, o diretor-geral da Polícia Federal, o presidente da Funai e o general do Exército José Elito Carvalho Siqueira, do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República.

Leia mais no Blog da Amazônia.

5 comentários:

Enzo Mercurio disse...

Poderia ter ligado para a Presidenta Dilma .
Assim se resolveria mais rapido.

Julio Pinto disse...

Não entendi!! Os mercenários são do PT?

Marcel Marques disse...

Isso é questão de soberania nacional, é função constitucional do exército repelir invasores estrangeiros, a defesa da pátria, porquê não o faz?

Deveria ter no mínimo uma companhia permanente patrulhando e protegendo aquela área.

padilha disse...

Tião preocupado com índios isolados?

Ora, e como fica a criação de bois, cabras, peixes, cana de açúcar e, principalmente a interoceânica?

Lindomar Padilha

Eu disse...

A questao e: As fronteiras sao largadas, estamos a Deus dara e o povo fica cultuando este governo.
Se nao sao os indios, aqueles mais marginalizados e esquecidos por todos nos, ja teriam invadido tudo mesmo. Incrivel como o povo de nosso Pais vira massa de manobra facil, facil.
Alem disso, tentei inserir comentarios na materia "Na posse, Amorim afaga militares e fala em reforcar fronteiras" postada na Folha de SP, hoje, e ao citar palavras como "correrias" "matanca indigena" no Acre tive as mensagens bloqueadas!!!
Essa e a democracia, liberdade de expressao...
Aproveito para agradecer Altino Machado por este blog, pois atraves dele posso mostrar um pouco mais do Acre para meus conterraneos paulistas alienados.